Cistos Sebáceos

O que é

 

O cisto sebáceo ou epidérmico é um nódulo semelhante a um caroço, geralmente da mesma cor da pele, que tem tamanho variável (desde milímetros até vários centímetros). Possui consistência dura ou amolecida, que pode surgir em qualquer área do corpo, mas é mais comum na face, pescoço, tronco e couro cabeludo. Isto é, regiões com maior acúmulo de glândulas sebáceas.

 

Se apresentam como um “caroço” visível e palpável na pele. Geralmente são assintomáticos (indolores), mas, quando inflamados, podem causar dor, secreção purulenta, ficarem avermelhados e doloridos. Ocasionalmente podem drenar material gorduroso de odor característico. É comum ocorrerem episódios de eliminação espontânea de secreção sebácea, normalmente de odor desagradável. O cisto fica com aspecto “murcho” e, posteriormente, essa secreção se forma novamente e o cisto volta a “estufar”, o que incomoda bastante os pacientes. A fim de evitar esses episódios desagradáveis de eliminação de secreção, de inflamação e o desconforto estético, recomenda-se a remoção do cisto.

 

Causas

 

A causa de formação do cisto seria uma proliferação de células epidérmicas (camada mais superficial da pele) que produzem queratina no interior da derme. Isto ocorre pela obstrução dos folículos pilossebáceos ou pós traumatismos que levem a implantação de células da epiderme na derme.

 

São frequentemente associados com acne vulgar ou seborreia, em que há aumento de secreção sebácea. Assim, ocorre oclusão dos folículos pilossebáceos e a formação de uma cápsula na qual essa secreção fica retida. São lesões benignas e raramente ocorrem em crianças.

 

Tratamento

 

O tratamento é a retirada do cisto em um procedimento cirúrgico. Será feita uma incisão sob anestesia local e a retirada do material inclui a cápsula, que é como uma capa que envolve o conteúdo sebáceo. Se a capsula não for totalmente retirada, pode haver recidiva do cisto. Em seguida sutura-se a pele. O momento ideal para a retirada do cisto é quando ele não está inflamado. Remover um cisto inflamado é doloroso e, dificilmente, é possível retirar toda a sua cápsula devido a secreção purulenta. Procure um dermatologista para retirar o cisto sebáceo antes que ele inflame!

 

Quando o cisto está inflamado é feita apenas a drenagem e expressão do material. No entanto, nesse caso, pode ser necessária uma nova cirurgia posteriormente, para retirar o cisto com a cápsula. Quando inflamado também se usam antibióticos e anti-inflamatórios via oral.

Sobre

A Clínica Sandra Freitas oferece uma ampla variedade de tratamentos dermatológicos e de estética. Conheça alguns de nossos procedimentos e agende uma consulta de avaliação.

Post Recentes
Redes Sociais
WhatsApp chat