Verrugas

O que é

 

Verrugas são proliferações benignas da pele causadas pelo papiloma vírus humano (HPV), portanto contagiosas. Ocorrem em qualquer idade, mas são mais frequentes em crianças.

 

Existem vários tipos de verrugas que podem ocorrer em várias áreas do corpo. As mais comuns são as verrugas vulgares, mas também existem plantares, filiformes, planas e genitais.

 

O paciente leigo, frequentemente, confunde verruga com outras lesões de pele, às vezes até com câncer. O diagnóstico feito por um dermatologista é essencial.

 

Tipos

 

As verrugas vulgares são muito comuns nas mãos e dedos, algumas vezes ao redor das unhas e, em geral, têm na sua superfície pontos escuros ou pretos.

 

As verrugas das plantas dos pés, vulgarmente chamadas de “olho de peixe”, normalmente confundidas com calosidades plantares, são pouco salientes e costumam ser dolorosas.

 

As verrugas planas são pápulas de 1 a 5 mm de diâmetro, ligeiramente salientes. Ocorrem, geralmente, em crianças e adultos jovens, costumam ser numerosas e acometem face e mãos.

 

As verrugas filiformes são espículas que se projetam perpendicular ou obliquamente á superfície da pele e ocorrem, em geral, na face e pescoço.

 

As verrugas genitais, também chamadas de condiloma acuminado ou “Crista de galo”, têm frequente origem venérea (mas não exclusivamente) e também podem aparecer ao redor do ânus, além de pênis, vulva e virilha.

 

Tratamento

 

Cada tipo de verruga exige um tratamento diferenciado, de acordo com a quantidade, localização e tamanho.

 

As verrugas vulgares e planas podem ser tratadas com cáusticos como, por exemplo, o ácido nítrico, após curetagem (raspagem) das lesões. Este tratamento requer várias aplicações.

 

Outras possibilidades de tratamento são a eletrocoagulação com bisturi elétrico e curetagem das lesões, com anestesia local e aplicações de nitrogênio líquido (crio cirurgia) que “queima” a lesão pelo frio. Entretanto estas aplicações costumam ser dolorosas.

 

Um tratamento que tem sido feito mais recentemente, principalmente nas verrugas genitais, é com o imiquimode. Em forma de creme, ele modifica a resposta imunológica, levando ao desaparecimento das lesões, mas é um tratamento lento. Às vezes, o tratamento das verrugas requer um longo tempo de tratamento e recidivas são frequentes, pois o sucesso depende muito da resposta imunológica do paciente. Existem indivíduos predispostos a recidivas frequentes e casos de involução espontânea, principalmente em crianças.

 

Somente o dermatologista pode indicar o melhor tratamento para o seu caso!

Sobre

A Clínica Sandra Freitas oferece uma ampla variedade de tratamentos dermatológicos e de estética. Conheça alguns de nossos procedimentos e agende uma consulta de avaliação.

Post Recentes
Redes Sociais
WhatsApp chat